• Luciano Duque mantém liderança em Serra Talhada com 60% das intenções de voto, diz Múltipla


    O prefeito Luciano Duque (PT) segue em vantagem na corrida à prefeitura de Serra Talhada. Essa pesquisa, entretanto, mostra o que vem sendo verificado nos dois últimos levantamentos. A queda na diferença entre ele e o candidato do PR, Vitor Oliveira (PR). Otoni Cantareli manteve-se estável. Foi o que atestou  pesquisa realizada pelo Instituto Múltipla, de Arcoverde, contratada pelo blog, na última pesquisa da série realizada na Capital do Xaxado.

    Na pesquisa estimulada, em que são oferecidas as opções para o eleitor, Luciano  Duque tem 60,6% das intenções de voto. Victor Oliveira chegou a 31,4%.  Na terceira colocação aparece o candidato Otoni Cantarelli com 1,1%, sete décimos acima. Neste cenário, 2,6% não sabem ou não opinaram, 2,6% disseram votar branco ou nulo e 1,7% estão indecisos.

    Segundo Ronald Falabella, diretor do Múltipla, que realiza o levantamento, a dúvida é se a curva ascendente de Victor mantém-se até o dia da votação. Isso poderá fazer com que a diferença aferida hoje seja diferente no dia da eleição. Nada entretanto que ameace o favoritismo de Luciano Duque, por conta da diferença entre eles. Ela, que chegou a 45,7% em 3 de setembro, hoje é de 29,2%. Isso pode ser verificado na evolução dos candidatos em quatro levantamentos. Veja:

    iso e teto: considerando os números da estimulada e a margem de erro, Luciano Duque tem entre 55,3% e 65,9%. Victor Oliveira tem entre 26,1% e 36,7%. Já Otoni, entre 0% e 6,4%.

    No cenário espontâneo, quando não são apresentados os nomes dos candidatos para os entrevistados, Duque aparece com 54,9% das intenções, contra 25,4% de Victor Oliveira e 0,9% de Otoni Cantarelli.  Não sabem ou não opinaram 3,1%. Já 3,4% dizem optar por branco ou nulo e 12,3% estão indecisos.

    A pesquisa foi registrada sob número de identificação: PE-08095/2016. A coleta foi realizada entre  25 e 27 de setembro. A margem de erro é de 5,3% para mais ou para menos, com intervalo de confiança de  95%. Foram 350 entrevistados. A pesquisa é contratada pelo Blog, na série exclusiva com o Múltipla.

    Bairros pesquisados : Vila Bela, Nossa Senhora da Penha, Alto Bom Jesus, São Cristovão, Alto da Conceição, Tancredo Neves, Centro, Borborema, Universitário, AABB, IPSEP, Bomba, COHAB, CAGEP, Caxixola e Várzea.

    Localidades rurais: São João dos Gaias, Lagoa do Mato, Baixio, Acesso ao IPA, Cacimba Velha, Mosquito, Distrito Luanda, Varginha, Pilãozinho, Distrito Varzinha, Passagem do Juazeiro, Estrada Luanda/Paraíba, Estrada da Jurema, Desterro, Acesso Saco para IPA, Xique – Xique, Boi Morto, Paus Brancos, Malhadinha, Barrinha, Serragem, Saco, Três Passagens, Caldeirão, Saco da Roça, Assentamento Gilvan Santos, Travessa, Poço da Cerca, Lemos, Serra Vermelha, São Paulo do Lacerda, Barra da Bandeira, Papagaio, Jatobá de Baixo, Alegre, Paraíso,  Assentamento Virgilino Ferreira, Assentamento Vila Bela, Fazenda Estreito, Malhada Grande, Ramalhete, Fuxica, Conceição de Baixo, São José, Catolé, Barriga Furada, Barreiros, Malhada da Areia, Barra, Carnaúba, Fazenda Juazeirinho, Juazeirinho, Poço Escuro, Poço do Serrote, Surubim, Caldeirão, Santana, Conceição de Cima, Escadinha, Varzinha, Arara, Barra do Exu, Poço Redondo, Distrito Caiçarinha da Penha, Irajá, Distrito Logradouro, Santa Rita Velha, Cachoeira do Sal, Chácara da Tupan, Lagoa da Demarcação, Caiçarinha da Penha,  , Distrito de Taupiranga, Distrito Bernardo Vieira, Água Branca, Angico Grande,  Distrito Santa Rita, Santa Rita e Fazenda Quixaba.

    Fonte: Nilljunior

  • Justiça suspende pesquisa eleitoral em Princesa Isabel, sob pena de multa de R$ 50 mil

    Na noite desta quarta-feira, (28), a Justiça Eleitoral de Princesa Isabel, por seu Excelentíssimo Senhor Juíz Eleitoral, Doutor Michel Rodrigues de Amorim, suspendeu a divulgação de uma pesquisa registrada pelo Instituto DATAVOX – PESQUISA E OPINIÃO PÚBLICA E ESTATÍSTICA LTDA, contratada pelo site PBAGORA, que divulgaria números referentes à disputa eleitoral para Prefeito local.

    O pedido de suspensão foi interpelado pela COLIGAÇÃO UNIDOS POR UMA NOVA PRINCESA, que tem como candidato à Prefeito o advogado Sidney Filho. A equipe técnica e jurídica da coligação verificou a presença de inúmeras falhas no planejamento amostral, assim como na metodologia aplicada pela referida pesquisa, o que comprometeria a lisura e veracidade dos resultados.

    O Juíz Eleitoral acatou pedido de liminar, determinando a imediata suspensão dos resultados, e alegou que “a divulgação da pesquisa poderá, de alguma forma, influenciar o eleitorado, sem que tenham sido adotados os requisitos de segurança exigidos na norma para sua realização.” A decisão que determinou a suspensão foi fundamentada no fato de inexistirem, no registro da pesquisa junto ao TSE, várias providências que deveriam ser tomadas pelo instituto de pesquisas, segundo o que determina a legislação pertinente como, por exemplo, o grau de escolaridade dos eleitores, informações de localidades em que a pesquisa foi realizada e o poderio econômico dos entrevistados. O magistrado zonal ainda afirmou que “a divulgação de pesquisa, sem a prévia observância das regras legais, mostra-se irregular”.

    Por fim, foi decretada na decisão a aplicação de multa de R$ 50.000,00, caso o instituto DATAVOX não cumpra os termos da liminar exarada. A Coligação encabeçada pelo jovem Sidney Filho já se preocupava com notícias espalhadas pela coligação adversária sobre uma pesquisa que seria divulgada na imprensa e que traria números duvidosos sobre a disputa local, principalmente depois de uma outra pesquisa já publicada, há dias atrás, na imprensa paraibana com resultados bastante confusos e baseada em metodologias equivocadas, segundo a visão da assessoria jurídica da coligação.

    Esse fato fez com que os técnicos e advogados que trabalham para o candidato Sidney Filho dedicassem maior atenção ao registro dessa nova pesquisa, o que os fez encontrar as muitas falhas e inconsistências no planejamento e na metodologia da pesquisa eleitoral que seria divulgada amanhã, dia 29 de setembro, pelo site PBAGORA.

  • PMs viajam para garantir segurança das eleições no interior do estado

    Centenas de policiais militares viajaram, na manhã desta quinta-feira (29), do Recife para o interior do estado, onde atuarão na segurança das eleições. Nesta manhã, 300 policiais embarcaram para o Sertão do estado. Eles saíram da Ilha do Retiro, na região central da cidade. Na sexta-feira (30), mais 700 policiais também viajam, para cidades do Agreste e da Zona da Mata pernambucana. Ao todo, o efetivo vai atuar em 3.300 pontos de votação.

    De acordo com o coronel Carlos D'Albuquerque, comandante geral da Polícia Militar, o planejamento inicial é para que o grupo atue no primeiro turno das eleçições. "Nossos policiais serão lançados na segurança das eleições, garantindo a tranquilidade do pleito, assim como serão incorporados ao efetivo para garantir a segurança pública do estado", afirmou o comandante.

    Efetivo

    A eleição deste ano contará com efetivo 11% menor no número de policiais na Região Metropolitana do Recife e no interior do estado. Ao todo, serão 13.056 policiais militares e civis. Em contraponto, a Polícia Federal (PF) promete um aumento de 100% no efetivo para investigar crimes eleitorais ocorridos no domingo (2). Entretanto, o superintendete da PF não informou a quantidade de agentes envolvidos por motivos de segurança.

    Os dados foram repassados pelo secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho, na manhã desta quinta-feira (29), durante coletiva de imprensa na sede da pasta. Apesar da queda no quantitativo de policiais, ele alega que haverá uma melhor logística. Serão 12.111 PMs e 945 policiais civis. Os delegados irão trabalhar em regime de plantão, das 8h às 20h no dia.

    “Nós vimos que havia distribuições de urnas de centros regionais para locais de votação com uma antecedência que não era necessária. Então, nós atrasamos um pouco essa distribuição para o local de votação e com isso nós otimizamos. Agora, são mais policiais nas ruas para tomar conta da segurança como um todo”, defende. Ele ainda garante que não haverá prejuízo para a segurança do pleito.

    Fonte: G1/PE

  • Em Afogados: Patriota tem 78%, Emídio 7% e Itamar 0,7%, diz Múltipla

    Prefeito e candidato a reeleição José Patriota (PSB) manteve ampla vantagem na disputa pela prefeitura de Afogados da Ingazeira, bem a frente de seus oponentes, o petista Emídio Vasconcelos e Itamar França, do PRP. É o que atestou o Instituto Múltipla, em pesquisa realizada dia 25 e divulgada hoje pelo blog de NillJunior

    De acordo com levantamento estimulado, em que são oferecidas as opções de voto para o entrevistado, Patriota tem 78,7% das intenções de voto contra 7% do candidato Emídio e 0,7% de Itamar França. Neste cenário estimulado, 13,6% não sabem ou não opinaram.

    Na pesquisa espontânea, em que o eleitor livremente se manifesta, 71,7% disseram votar no prefeito e candidato a reeleição, contra 4,7% que dizem votar em Emídio e 0,3% que optam pelo candidato Itamar França. Neste cenário, 23,3% não sabem ou não opinaram.

    Com base na margem de erro da pesquisa estimulada, Patriota tem entre 73% e 84,4%. Emídio tem entre 1,3% e 12,7%. Itamar, entre 0% e 6,4%. Veja a evolução dos candidatos entre os dois levantamentos:

    A pesquisa foi registrada sob o número PE-07347/2016. A coleta, realizada dia 25 de setembro. A margem de erro é de 5,7% para mais ou para menos, com intervalo de confiança de 95%. Foram ao todo 300 entrevistados. 

    Bairros pesquisados: COHAB, São Brás, Brotas, Sobreira, Residencial Dom Francisco, Centro, Morada Nova, São Cristovão, São Francisco, São Sebastião, Costa, Borges, Conjunto Miguel Arraes, Alto da Bela Vista, Padre Pedro Pereira e Ponte

    Localidades rurais: Curral Velho dos Pedros 2, Curral Velho dos Pedro, Arca de Peia, Alça de Peia, Mocororé, Oitis, Corisco, Saco da Serra, Povoado Queimada Grande, Encruzilhada, Cachoeira, Gangorra, Povoado Carapuça, Rodovia PE 292, Estrada Afogados/Tabira, Povoado varzinha, Carnaibinha, Estrada para Santo Antonio 2, Curral Velho dos Ramos, Boqueirão, São João Velho, Lajedo, Jatobá, Jati, Várzea Comprida, Santo Antonio 1, Poço dos Veados, Lagoinha, Monte Alegre, Capoeiras, Serra Vermelha, Santo Antonio 2, Pintada, Queimadas, Portázio, Poço do Moleque, Riacho da Onça, Estrada Carnaúba a Dois Riachos, Manoel Soares, Belém, Serrinha 1, Povoado Alto Vermelho, Covoadas 2, Covoadas, Barreiro, Cajazeiras, Gameleira, Laje do Gato, Minador, Dois Riachos e Cachoeira do Cancão.

    *Fonte: NillJunior

  • Victor Oliveira ensaia caminhada seguindo o mesmo roteiro de Luciano Duque

    O Candidato da ‘Frente Popular de Serra Talhada’, Victor Oliveira (PT) realizou no bairro São Cristóvão em Serra Talhada, na noite desta quarta-feira (28) o seu último porta a porta da campanha. Acompanhado por sua mãe, sua irmã, diversas lideranças políticas e empresárias da cidade, Victor, juntamente com sua militância mais uma vez percorreram ruas do bairro e foi recebido pelos moradores com entusiasmo.

    Animado com a boa performance do debate entre os candidatos à prefeito, acontecido também nesta quarta-feira, Victor distribuiu abraços, apertos de mãos e posou para fotos com simpatizantes.

    A hora é de virada“, comentou candidato, que acompanhado do seu vice, Marquinhos Dantas eram cercados pelos eleitores.

    A coordenação da campanha do republicano prepara para esta quinta-feira (29) um ‘Arrastão' que vai sair do Cristo, no Bom Jesus e segue para Av. Afonso Magalhães, nas imediações do Mercantil Santana onde realiza seu comício de encerramento. Os ‘azulões’ prometem um grande movimento, “vamos azular Serra Talhada, disse um coordenador. A concentração para o ‘Arrastão’ será às 18 horas.

    *Da assessoria

  • Luciano diz que "a mentira vai ser desmoralizada”; Humberto e Nena destacam modelo de gestão


    Na reta de final de campanha, o candidato da coligação “O Trabalho vai Continuar”, Luciano Duque do PT realizou nesta quarta-feira (28), uma caminhada histórica que partiu da Avenida Afonso Magalhães, até ao Alto Bom Jesus, onde foi montado o palanque para receber a chapa majoritária governista, candidatos a vereador e lideranças políticas que estão apoiando o projeto de manutenção de Duque na cadeira de prefeito de Serra Talhada.

    Após o longo percurso, a som de diversos jingles de campanha, entre eles os “O vai moendo vai moendo” e “É arrocho de mais”, antes dos discursos vídeos de prestação de contas e emocionais foram exibidos no telão de led. Entre um vídeo e outro, o depoimento do empresário seu João Duque, que ao pedir voto e destacar o trabalho do filho no primeiro mandato, visivelmente emocionado lamentou a postura dos adversários de Luciano.

    “Espero no meu povo de Serra Talhada reconheça a gestão administração, o trabalho que o meu filho fez nesse período, onde deixou uma marca administrativa em nossa cidade, com a execução de muitos trabalhos, que é voltada para os menos favorecidos. Quero agradecer ao meu Deus, pela harmonia e paz nesta campanha, embora uma coisa minha causa estranheza, é os opositores que com tanta perseguição, com tanta calúnia, sequela que joga pra cima do meu filho; mas Deus é testemunha do seu procedimento e de sua conduta”.

    Já o médico e empresário Dr. Nena Magalhães, falou da escolha de Márcio Oliveira para vice, dizendo que “Márcio Oliveira representa competência, fidelidade, educação, um rapaz capaz e que sabe se comportar com eleitor e com a classe política de Serra Talhada. Nena, ainda sustentou que Luciano Duque “é o candidato mais bem preparado e mais competente de Serra Talhada, no momento”.

    O senador da república, Humberto Costa do PT presença marcante ao lado de Duque pautou o discurso na administração impressa por Luciano, o que ele classificou de séria, voltada para população e respeitosa.

    “Luciano é alguém que olha pra população, vendo em cada um ser humano, alguém que precisa ser tratado com respeito e honestidade. Os nosso adversários, ficam conversando besteira e falando picuinhas...essa administração não tem uma denúncia de qualquer que seja aplicação indevida de recursos de corrupção de qualquer que seja”, frisou Humberto em um trecho do discurso.

    Luciano enalteceu a presença de Dr. Nena Magalhães em seu palanque, destacando que ele tem desempenhado um papel importante, na construção de um trabalho em Serra Talhada e agradeceu Augusto César pelo apoio.

    Após registro, Duque aumentou o tom e ecoou: “A mentira vai ser desmoralizada e a verdade vai vencer”. Continuando o candidato à reeleição repetiu trechos de discursos que vem apregoando durante toda campanha eleitoral.

    “Os coronéis que governaram durante 40 anos essa terra, só tem uma palavra pra dizer de nós, que somos mentirosos e que não fizemos nada, mas em cada Bairro está subindo uma creche, Unidade Básica de Saúde... e melhorias da qualidade de vida, por que nós humanizamos a governo de Serra Talhada. Chega dos governos da elite, que sempre investiram no privado e esqueceram-se do público. É muito bonito, o grupo do lado lá vir cobrar o hospital municipal...tive a vontade o desejo  de entregar o hospital mas eles não deixaram, entraram na justiça e queriam tomar o patrimônio do povo de Serra Talhada, pra dar a um particular, e ainda tem a coragem de dizer que eu não entreguei o hospital municipal, mas esquecem eles que governaram 40 anos e também não trouxeram o hospital municipal, trouxeram sim, serviço privado, ganhar dinheiro e explorar o povo de nossa terra. É preciso que restaure a verdade”, criticou.

  • Debate: Luciano revela cargo em comissão de presidente do PR-ST no gabinete do suplente de Sebastião

    Os candidatos a prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque do PT, Victor Oliveira do PR e Otoni Cantarelli do PCdoB, voltaram a se enfrentar em mais um debate; o terceiro dentro da corrida eleitoral pela disputa da cadeira de prefeito da Capital do Xaxado. O embate entre os candidatos foi mediado pelo radialista e comunicador Anderson Tennens, coordenador artístico da Rádio Cultura FM.

    Ainda no primeiro bloco, dentro das rodadas de perguntas entre os candidatos, o candidato da “Frente Popular de Serra Talhada” em tom provocador, dentro do tema ‘administração e gestão interna’, Victor Oliveira seguindo o script de seu patrono Sebastião Oliveira, tratou logo de apontar verbas anuais para o gabinete do prefeito, “de acordo com projeto apresentado pelo prefeito para Câmara de Vereadores”.

    “Quando você diz que o trabalho vai continuar, você diz que vai continuar fazendo estas escolhas erradas”, atiçou Victor elencando crescimento de despesas.

    Ao mesmo tempo em que, na resposta listava ações que foram empreendidas para aperfeiçoar os serviços, como a realização de concurso público; o candidato da coligação “O Trabalho vai Continuar”, trouxe um novo fato ao debate, revelando que o presidente do Partido da República em Serra Talhada, Allan Pereira Sá, tem cargo em comissão no gabinete do Deputado Federal Fernando Monteiro (suplente de Sebastião Oliveira na Câmara Federal).

    “Ao contrário do que o candidato diz, fomos nós que modernizamos a prefeitura municipal de Serra Talhada. Nós implantamos o Núcleo de Tecnologia de Informação, nós fizemos concurso público, diferente do seu time que lá a atrás fez um concurso fraudulento e foi anulado, onde enganou mais de 10 mil cidadãos em Serra Talhada. Nós temos aguarda municipal que está dentro do gabinete, entre outras funções. Não existe dentro do nosso gabinete, dentro da ação de governo, que esteja lá, ganhando dinheiro sem trabalhar, mas o candidato insiste nesta tese, em achar que quem estar na prefeitura de Serra Talhada, não faz nada”, respondeu Luciano e completou revelando:

    “Agora o senhor talvez não conheça como é prática dos seus aliados. Por exemplo, o deputado Sebastião Oliveira quando assumiu a secretaria de transportes, loteou o gabinete do soldado Moisés, e ele confirma em matérias que estão nos jornais de Pernambuco e digo mais, eu não queria entrar nesse tema, por que eu preferia entrar discutindo os problemas de Serra Talhada. Mas o senhor insiste em acusações sem prova, o senhor insiste em  temas que não cabem nesta discussão , por que o senhor não tem dados para afirmar que ninguém trabalha. As pessoas que estão dentro do gabinete prestam serviços e vivem pra servir Serra Talhada, diferente do presidente do seu partido, que está lotado no gabinete de Fernando Monteiro e não trabalha lá no gabinete, trabalha aqui em Serra Talhada para sua campanha.

    Eu não queria entrar na baixaria não, mas já que o senhor insiste, está aqui o documento pra entregar a coordenação e tem muito mais gente que está lá lotado no gabinete de Fernando Monteiro, que talvez o senhor conheça. Há um cruzamento de troca de cargos, ou seja, as pessoas que deveriam estar servindo ao gabinete de Fernando Monteiro estão servindo aqui, a sua campanha. Infelizmente, Serra Talhada não poderia está vendo este espetáculo, mas o senhor insiste neste tema.

    A manifestação de Duque durante o debate desqualifica o discurso do deputado federal licenciado, Sebastião Oliveira do PR, que tem qualificado os cargos em comissão do governo de Duque, de “mamateiros e vagabundos”.

     

  • Em Flores, gestora de escola estadual recebe prêmio por desempenho no IDEPE

    Os municípios do interior do estado tiveram grande destaque no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (Idepe), divulgado nesta terça-feira (27). No ensino fundamental, as cidades que apresentaram os melhores desempenhos no 9º ano foram: Barra de Guabiraba, no Agreste, com média de 5,19, e Brejinho e Triunfo, no Sertão, quetiveram a mesma média, 4,9. Já no 5º ano, as notas mais altas foram obtidas pelos alunos das cidades de Jucati, no Agreste, com 7,02 de média; Jupi, no Agreste, com 6,57; e Tuparetama, no Sertão, com 6,08.

    Em seguida, veio à escola Dário Gomes de Lima, localizada no distrito de Fátima – zona rural do município Flores, ocupando o 2º e 5º lugares do Ensino Médio (média 7,20) e Ensino Fundamental Anos Finais (média 5,94).

    Para Ana Lúcia Xavier, gestora da Dario Gomes, receber o reconhecimento pelo trabalho é um momento de muita felicidade. “Esse resultado é o reconhecimento de um trabalho que vem sendo desenvolvido na escola, junto à comunidade, de conscientizar o aluno da importância do estudo. E agora é encarar o desafio de manter a média para o próximo ano”

    Medido todos os anos, o Idepe avalia o desempenho das escolas públicas seguindo os mesmos critérios utilizados para o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) do governo federal. Dessa forma, a medição leva em conta a taxa de fluxo escolar, que considera o número de alunos nos anos corretos, e o nível de conhecimento dos estudantes nos ensinos fundamental e médio.

    O resultado foi anunciado nesta terça-feira (27), durante cerimônia no Palácio do Campo das Princesas, no bairro de Santo Antônio, na área central do Recife. Na ocasião, o governador Paulo Câmara (PSB) entregou certificados para os gestores das instituições que obtiveram as melhores pontuações.

    * Com informações do G1/PE