Paulo Câmara participa da Semana do Clima em Nova Iorque


A convite do The Climate Group, o governador Paulo Câmara participa da 11ª Semana do Clima em Nova Iorque, Estados Unidos, que acontece da segunda (23) até quarta-feira (25). A programação contará com mais de 150 eventos de compartilhamento de soluções e colaboração intersetorial na área climática, ocorrendo em paralelo à Assembléia Geral da ONU e também à Cúpula do Clima. O governador cumprirá agendas com líderes mundiais de empresas e de governos sobre o combate às alterações do aquecimento global.

Como representante dos nove Estados do Nordeste e mais o Espírito Santo, Paulo Câmara terá também um encontro com a US Climate Alliance, grupo formado por 24 estados norte-americanos após a decisão anunciada por Donald Trump de abandonar o Acordo de Paris.

 

A agenda com a Climate Alliance acontecerá logo após a abertura da Semana do Clima, no The Times Center. Paulo Câmara vai apresentar uma visão geral das circunstâncias nacionais e estaduais, além de reforçar a opção do Consórcio Nordeste em investir em iniciativas de desenvolvimento sustentável e energias renováveis na região. O objetivo é conquistar o apoio do grupo americano na formação de uma coalizão semelhante no Brasil. A Alliance americana está disposta a trocar experiências e estratégias com os Estados brasileiros em favor do clima. Os governos ligados ao grupo reduziram suas emissões em 14% em comparação com a média nacional de 11%, entre os anos de 2005 e 2016.

 

Para demonstrar o compromisso ambiental, Paulo Câmara também fará uma exposição sobre os avanços nas políticas de enfrentamento às mudanças climáticas. Pernambuco, que por sua localização é uma das regiões hot spot (alvos centrais de aquecimento), tem hoje uma das legislações mais modernas do Brasil. As leis norteiam uma série de ações em andamento nas áreas de gerenciamento costeiro, combate à desertificação, redução de CO2, educação ambiental e mais. Só nos últimos cinco anos, o Estado ampliou as áreas de preservação ambiental em 217 mil hectares, com a criação de novas Unidades de Conservação e ampliação de outra já existente. Essas iniciativas beneficiaram diretamente os biomas da Caatinga, Mata Atlântica e os ecossistemas Marinho e Costeiro.

 

Já na programação da Semana do Clima, haverá reuniões com financiadores de projetos e com membros da Under 2 Coalition, composta por mais de 220 governos, representando 43% da economia global. No encontro da Under 2, na terça (24), Paulo Câmara ratificará a declaração de Santa Fé, assinada em agosto na cidade de Rosário, Argentina. No documento, os signatários se comprometem a desenvolver ações interjurisdicionais na América para proteger ecossistemas; o intercâmbio de conhecimentos e tecnologias; a importância do manejo sustentável das florestas; melhoria do estoque de carbono; fomento ao intercâmbio de medidas de mitigação e adaptação ao clima; e uso de energias renováveis.